Sala de Imprensa

Carlos Fernando GrossEm palestra durante o primeiro painel do XXVIII Fórum Nacional, o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) Carlos Gross disse que “o objetivo de uma empresa é ganhar dinheiro, obedecendo as leis do País a qualquer custo”. Na opinião de Gross, em 1988, quando era uma jovem liderança do setor farmacêutico fluminense, chegou a levar uma bolsada de uma senhora por dizer a mesma frase sem a devida contextualização, durante uma palestra setorial na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

O empresário disse que a reação negativa da plateia à frase inicial o impediu de dizer que o objetivo de ganhar dinheiro tinha, entre outras finalidades, as de fazer novos investimentos, gerar empregos e se desenvolver. “O objetivo zero de uma empresa é sobreviver”, ponderou.

Gross demonstrou perplexidade com a crise “político institucional” vivida atualmente pelo Brasil, lembrando os números apresentados no painel que tratou da situação fiscal dos estados. O dirigente da Firjan disse que “os empresários estão prontos a colaborar e vão colaborar” para a solução dos problemas do País.