Livros

A nova inserção internacional do Brasil. J. Olympio, Rio de Janeiro, 1994 [V Fórum Nacional- 1993].

Neste volume, o Fórum Nacional examina, em profundidade, os riscos e oportunidades de uma nova inserção da economia brasileira no comércio internacional.

Na introdução, João Paulo dos Reis Velloso sintetiza sua proposta de um novo projeto de desenvolvimento para o Brasil. Destacando a dimensão continental do país e seu elevado grau de integração e diversificação produtivas, defende a opção pelo que chama de “modelo bidirecional de mercado”, com o crescimento apoiando-se na demanda interna para a conquista de mercados no exterior. O modelo integra, em um só processo, a reestruturação industrial, a aceleração do progresso técnico-científico e uma nova inserção na economia internacional, estabelecendo-se, entre esses três eixos, interação sinérgica, potencializadora do desenvolvimento.

Na primeira parte do livro, Rubens Recupero, ao especular sobre o futuro do multilateralismo, vê desenhar-se um cenário diversificado, que combina a tendência para a globalização das relações econômicas e sua institucionalização internacional com a formação de blocos regionais e
tentativas dos diversos países de gerenciar o seu comércio exterior. Examina as implicações para o Brasil dessas configurações heterogêneas e, a despeito de reconhecer certa hesitação nacional entre uma “integração rasa” e uma “integração profunda”, conclui que o país está efetivamente evoluindo para uma inserção mais ampla na economia mundial.

Na segunda parte, Winston Fritsch, Jorge Chami Batista, Pedro da Motta Veiga, João Roberto Teixeira e Fátima Pombal analisam a dinâmica recente das exportações brasileiras e as possíveis estratégias comerciais do país para as Américas (inclusive Mercosul), a Comunidade Européia e o Pólo do Pacífico, compondo um amplo e multifacetado painel de possibilidades de interação econômica, em que despontam tanto obstáculos como oportunidades, estas últimas mais visíveis na América do Sul e no Pólo do Pacífico.

Na terceira parte, Rubens A. Barbosa, Gelson Fonseca Jr, Alfredo Campos e Antonio Monteiro de Castro, numa série de importantes depoimentos, dão destaque aos desafios da inserção, seja os de natureza política e diplomática, seja os relacionados ao Mercosul, seja os enfrentados,
concretamente, em nível empresarial.

Na quarta parte, finalmente, Winston Fritsch sintetiza as principais conclusões do livro, destacando as tendências do multilateralismo, e as ameaças e oportunidades da nova inserção internacional brasileira.

A nova inserção internacional do Brasil é mais uma contribuição do Fórum Nacional para a formulação de uma política nacional de comércio exterior. Embora se reconheça que a competitividade econômica é precondição para mais dinâmica presença brasileira no mercado internacional, o desenho e a execução de estratégias comerciais ativas, diferenciadas setorial e regionalmente, além do fortalecimento do multilateralismo, podem ser de grande valia na crescente internalização, pelo Brasil, de ganhos com intercâmbio internacional diversificado, seja quanto a produtos, seja quanto a mercados.

Sumário

Introdução

A transição para a modernidade no Brasil
João Paulo dos Reis Velloso

Primeira Parte – O futuro do multilateralismo

A rodada Uruguai e o futuro do sistema multilateral de comércio
Rubens Ricupero

Segunda Parte – A inserção brasileira no comércio mundial

Dinâmica recente das exportações brasileiras (1979-90)
Jorge Chami Batista e Winston Fritsch

O Mercosul e a liberalização comercial nas Américas: a estratégia brasileira para o continente
Pedro da Motta Veiga

As exportações brasileiras para a Comunidade Européia: análise prospectiva dos impactos da ampliação do espaço econômico europeu
Winston Fritsch e  João Roberto Teixeira

O Pólo do Pacífico: natureza da integração e oportunidades para o Brasil
Winston Fritsch e Fátima Pombal

Terceira Parte – Desafios da inserção: notas e depoimentos

Globalismo, regionalismo e competitividade: novos desafios para a política externa brasileira
Rubens A. Barbosa

Questões de diplomacia econômica em um mundo em transformação –
Gelson Fonseca Jr.

O Mercosul como estratégia de integração em um novo modelo de desenvolvimento
Alfredo Campos

Alavancando exportações através de vantagens competitivas: um depoimento
Antonio Monteiro de Castro

Quarta Parte – Síntese e conclusões

Perspectivas da nova inserção internacional brasileira:síntese e conclusões
Winston Fritsch