I Fórum Nacional - 1988

A crise brasileira e a modernização da sociedade

Todos sabemos que a crise brasileira não se limita ao problema econômico, embora constitua este a sua manifestação mais visível e dramática. A preocupação dos autores desta obra, que reúne as contribuições apresentadas ao Fórum Nacional sobre o tema, é mostrar o caráter global da crise e até mesmo existencial, e suas raízes próximas e de longo prazo. Especial atenção foi dispensada ao caráter desigual e incompleto do processo de modernização experimentado pela sociedade brasileira, da década de 1950 até a de 1980, e às suas conseqüências para o quadro de heterogeneidade e complexidade que o Brasil apresenta hoje. Discute-se… ... continue lendo →

Modernização política e desenvolvimento

Os debates do Fórum Nacional têm dado grande destaque ao fato de que a modernização da sociedade e da economia brasileira, ocorrida nas últimas quatro décadas, não foi acompanhada de modernização política. O Brasil tinha um Estado razoavelmente moderno até fins da década de 1970, mas a última década assistiu à sua deterioração e crise. O sistema político, embora conte com figuras de alta expressão e modernidade, está em geral defasado perante a sociedade e a economia. Existem problemas de falta de modernidade tanto na esquerda, freqüentemente ultranacionalista e estatizante, como no centro… ... continue lendo →

Brasil: agenda para sair da crise – inflação e déficit público

O Brasil, na Nova República, foi campeão de choques antiinflacionários, e deles saiu, talvez, pior do que quando entrou. A presente obra é essencial para entender-se a problemática do país antes do atual Plano Collor, e permite compreender-lhe melhor as características. Por exemplo, o seu caráter de tratamento de choque e a sua abrangência, tratando tanto da crise fiscal e do controle monetário - preocupações básicas das correntes ortodoxas - como dos aspectos relacionados com a desindexação - tema por excelência das correntes heterodoxas. Os textos aqui apresentados são ricos em vários sentidos.… ... continue lendo →

A nova estratégia industrial e tecnológica: o Brasil e o mundo da III Revolução Industrial

A presente obra representa contribuição importante, e original, a um dos temas básicos da atualidade brasileira: qual é o nosso novo estágio de desenvolvimento industrial e tecnológico. A questão se torna crucial diante do nosso atraso na incorporação de novas tecnologias, segundo o atual paradigma industrial do mundo. Dele resultam importantes modificações nas vantagens comparativas dinâmicas do país. É preciso identificá-las e definir os caminhos através dos quais vamos tirar proveito das novas oportunidades e efetuar mudanças de curso necessárias, pela perda de vantagens anteriores. Crucial, também, ante a realidade inevitável de ter de adquirir status de competitividade internacional, em boa… ... continue lendo →

Dívida externa e desenvolvimento

Em grande medida, a crise da década de 1980 teve lugar sob o signo da inflação e da dívida externa. O problema da inflação já foi tratado em outro livro do Fórum Nacional, intitulado Brasil: agenda para sair da crise - inflação e déficit público. A presente obra discute a importante questão de se a década de 1990 está fadada ao mesmo destino, de constituir a dívida externa um dos bloqueios ao desenvolvimento nacional. Claro, no atual estágio, o seu efeito é muito maior sobre o déficit público (pela estatização de quase 90%… ... continue lendo →

O Brasil e a nova economia mundial

A presente obra deve ser considerada de forma articulada com o livro, do Fórum Nacional "Idéias para a modernização do Brasil", A nova estratégia industrial e tecnológica: o Brasil e o mundo da III Revolução Industrial (Rio de Janeiro, José Olympio, 1990). O tema comum aos dois é o ingresso do Brasil no novo mundo da industrialização avançada, à base das novas tecnologias, e da competição global. Esse mundo é a realidade do nosso tempo, e está aí para condicionar o progresso na presente década. Seu advento, e a interdependência dele resultante, não… ... continue lendo →

Crescimento com redistribuição e reformas: reverter a opção pelos não-pobres

A idéia fundamental deste trabalho do Fórum Nacional "Idéias para a modernização do Brasil" é tentar ir além da tradição política brasileira, presente ainda nas últimas eleições presidenciais, em 1990, de limitar-se à denúncia social. Isto é, de dramatizar a gravidade da questão social, sem apresentação concreta de estratégias para superá-la, e a discussão da sua viabilidade. Procura-se, assim, em consonância com a linha desenvolvida, nos últimos anos, por Helio Jaguaribe, através do Ieps, contribuir com propostas alternativas para o encaminhamento efetivo da solução do problema da desigualdade e da pobreza, no país.… ... continue lendo →

A modernização do capitalismo brasileiro: reforma do mercado de capitais

Este livro tem o mérito inicial de colocar em foco o problema do mercado de capitais que, a partir do advento da inflação bárbara, no governo anterior, passou a ser negligenciado no país. Está-se vivendo a ilusão de realizar crescimento moderno sem a sólida base de um mercado de capitais amplo, dinâmico e sem distorções. Com esses três aspectos, os vários estudos aqui apresentados se preocupam. O diagnóstico geral dos problemas imediatos (distorções e aberrações) e estruturais (desenvolvimento) é feito por dois dos maiores especialistas do país: Roberto Teixeira da Costa e Francisco Gros (com as ressalvas de Nildemar Secches).… ... continue lendo →

O Leviatã ferido: a reforma do Estado brasileiro

Na série de livros do Fórum Nacional "Idéias para a modernização do Brasil", da José Olympio Editora, dois se referem à questão do Estado no Brasil: o presente, voltado mais para o modelo de Estado; e um outro, intitulado Crise do Estado e retomada do desenvolvimento, sobre o papel econômico do Estado e seu problema financeiro. Esta obra se preocupa principalmente com o diagnóstico do modelo de Estado que entrou em crise na década de 1980 e com a apresentação de idéias para que se construa um novo modelo. Enquanto o Brasil cresceu,… ... continue lendo →

Crise do Estado e retomada do desenvolvimento

Na série de livros do Fórum Nacional "Idéias para a modernização do Brasil", da José Olympio Editora, há dois volumes sobre a questão do Estado: este, voltado principalmente para o papel econômico do Estado e seu problema financeiro; e um outro, intitulado O Leviatã ferido: a reforma do Estado brasileiro, sobre, principalmente, a reformulação do modelo de Estado. Duas são as preocupações básicas do presente estudo. Em primeiro lugar, discute-se o papel econômico desempenhado pelo Estado no desenvolvimento brasileiro do pós-guerra. Cabia-lhe a condução da estratégia global e, muito em particular, a definição… ... continue lendo →