Sala de Imprensa

Como explicar o declínio da desocupação

Encerrando a tarde de debates do primeiro dia da Sessão Especial do Fórum Nacional, a economista Sonia Rocha apresentou estudo sobre “Demografia e Mercado de Trabalho”. O objetivo da pesquisadora do Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade (IETS) era analisar o que está por trás do comportamento da taxa de desocupação – que mantém tendência de declínio há quase uma década – e avaliar o que se pode esperar do futuro próximo tendo em vista os resultados estatísticos mais recentes. “Mesmo no contexto de queda de dinamismo produtivo e de múltiplas dificuldades de… ... continue lendo →

A terra treme no país da desigualdade e dos paradoxos

O eixo comum, sob a diversidade de reivindicações dos protestos que tomam as principais metrópoles do País desde junho, é a proclamação indignada do colapso da representação política. Em poucas palavras, os manifestantes não acreditam em partidos e políticos que renovam seus mandatos no mercado de votos, sem perceber que o mero respeito às regras do jogo não é suficiente para manter a democracia de pé. Esta é a avaliação feita pelo antropólogo Luiz Eduardo Soares, professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), em sua contribuição às discussões da Sessão Especial… ... continue lendo →

Os dez dias que abalaram o Brasil

As manifestações de protesto em todo o País, sem qualquer liderança ou articulação política formal, estão pondo em xeque não só as instituições e representações políticas tradicionais, mas principalmente os tradicionais modelos de análise social. Pelo menos foi esta a análise apresentada pelo professor da Coppe-UFRJ e coordenador do Centro de Referência e Inteligência Empresarial (Crie), Marcos Cavalcanti, em sua participação na Sessão Especial do Fórum Nacional, realizado na sede do BNDES, no Rio de Janeiro. Cavalcanti lembra que os jovens que hoje estão nas ruas não participaram da luta pela democracia e não… ... continue lendo →

Visão de Brasil: E o Povo vai às Ruas – a Terra Treme: como entender o Espírito Moderno?

Os protestos que tomaram as ruas das principais metrópoles do País desde junho e que sacudiram as principais instituições políticas brasileiras, principalmente o Congresso Nacional e o Palácio do Planalto, como símbolos dos poderes legislativo e executivo nacional, deixam um importante alerta. É no que acredita o ex-ministro do Planejamento João Paulo dos Reis Velloso, presidente do Fórum Nacional. Para ele, é preciso ouvir, compreender e atender a voz das ruas, mas nada pode substituir as instituições. “O povo vai à rua, mas a rua não pode substituir as instituições, que têm que… ... continue lendo →

Brasil vencendo a pobreza

Em pouco mais de quatro décadas, a pobreza despencou no Brasil. Foi o que comprovou o estudo da economista Sonia Rocha, pesquisadora do Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade (IETS). A proporção de pobres na população caiu de 68,3% em 1970 para 10,1% em 2011, de acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do IBGE. “A redução da desigualdade foi fundamental nesse processo de diminuição da pobreza”, disse Sonia. O número de pobres no País passou de 61,137 milhões para 18,724 milhões – ou seja, são 42,413 milhões… ... continue lendo →

Emprego formal melhora o cenário de negócio do setor informal brasileiro

O perfil do empreendedorismo no Brasil vem mudando nos últimos dez anos, surpreendendo pelos resultados obtidos, mesmo na faixa de empreendedores com menor tempo em sala de aula. Dados apresentados pelo ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Marcelo Neri, no XXV Fórum Nacional, nesta quarta-feira, 15, mostram que, apesar de menor do que o lucro obtido pelos empreendedores de maior escolaridade, analfabetos, mulheres, negros e pardos que têm algum tipo de atividade de subsistência, em todo o país, conseguiram ver seus lucros crescerem em até 24%. "É como se houvesse também uma explosão de crescimento… ... continue lendo →

A evolução do desenvolvimento social no Brasil

A evolução do Índice de Desenvolvimento Social (IDS) foi o tema abordado pelo economista Roberto Cavalcanti de Albuquerque, diretor-técnico do Fórum Nacional, em palestra no terceiro dia de apresentações do XXV Fórum Nacional. Ex-superintendente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) nos anos 70, Roberto criou o índice para analisar a evolução social no Brasil, por estados e regiões. Seus estudos cobrem o período de 1970 a 2010. Albuquerque explicou que o IDS facilita uma visão sintética do desenvolvimento social no País. “O indicador permite construir uma análise agregada de componentes e subcomponentes… ... continue lendo →

Crescendo junto com as microempresas

Fortalecer a economia nacional. Essa é não só a meta como também a missão do SEBRAE, explicitada por seu diretor-técnico Carlos Alberto dos Santos, durante o terceiro dia de debates do XXV Fórum Nacional. Durante sua palestra, foram apresentados números e gráficos que confirmam o crescimento cada vez mais sólido das pequenas e médias empresas na economia brasileira. De acordo com o diretor, mudanças na economia nacional nos últimos anos favorecem a atuação dos pequenos negócios. “No País, houve aumento e redistribuição da renda, com o surgimento de uma nova classe média com… ... continue lendo →

Mirando o futuro, de olho no passado

Olhar para o passado a fim de compreender o futuro. Essa foi a ideia básica da palestra “Brasil: Dois séculos de Independência (Uma Interpretação)”, ministrada pelo professor Laurentino Gomes, da Universidade da Pensilvânia  e do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo. Autor dos livros “1808” e “1822” e preparando a próxima obra, “1889”, Laurentino sustenta que essas três datas são fundamentais para a compreensão do Brasil atual. O ano de 1808 foi marcante devido à transformação profunda da sociedade brasileira provocada pela chegada da Corte Portuguesa ao País. “Na verdade o que… ... continue lendo →