Histórico

Visões do Desenvolvimento Brasileiro – E nova Revolução Industrial – a maior, desde 1790

Setembro de 2014
(Dias 10 e 11) (quarta e quinta-feira)

(BNDES – Rio)
Av. Chile, 330 – 9º andar, Ed. Ventura (Oeste)

O VALOR DA CIVILIZAÇÃO

“Até recentemente, a melhor coisa que eu era capaz de
pensar, em favor da Civilização, além da cega aceitação da ordem do universo, era que ela tornou possível o artista, o poeta, o filósofo e o homem de ciência.

“Mas eu penso que isso não é a maior coisa.

“Agora eu creio que a maior coisa é algo que nos diz respeito diretamente, a nós todos.

“Quando se diz que estamos por demais ocupados com os meios de vida para viver, eu respondo que o que há de mais valor na Civilização é essencialmente que ela torna os meios de vida mais complexos; que ela demanda grandes e conjugados esforços intelectuais, em lugar de esforços simples e descoordenados, a fim de que a coletividade possa ser alimentada, vestida e ter habitação, e mover-se de um para outro lugar.

“Porque esforços intelectuais mais complexos e intensos significam uma vida mais vivida e mais rica.

“Significam mais vida.

“A vida é um fim em si mesmo, e a única questão de saber se vale a pena viver é se você teve o suficiente dela.”

Oliver Wendell Holmes, Jr.

“A TALE OF TWO CITIES”
(“UMA HISTÓRIA EM DUAS CIDADES”)*

“ERA O MELHOR DOS TEMPOS, ERA O PIOR DOS TEMPOS, ERA A IDADE DA SABEDORIA, ERA A IDADE DA INSENSATEZ, ERA A ÉPOCA DA CRENÇA, ERA A ÉPOCA DA INCREDULIDADE, ERA A ESTAÇÃO DA LUZ, ERA ESTAÇÃO DA ESCURIDÃO, ERA A PRIMAVERA DA ESPERANÇA, ERA O INVERNO DO DESESPERO, NÓS TÍNHAMOS TUDO DIANTE DE NÓS, NÓS TÍNHAMOS NADA DIANTE DE NÓS, NÓS ESTÁVAMOS TODOS INDO DIRETO PARA O CÉU, NÓS ESTÁVAMOS TODOS INDO DIRETO PARA O OUTRO CAMINHO – EM SÍNTESE, O PERÍODO ERA TÃO SEMELHANTE AO PERÍODO ATUAL QUE ALGUMAS DE SUAS AUTORIDADES MAIS EXPRESSIVAS INSISTIAM EM QUE FOSSE ENCARADO, PARA O BEM OU PARA O MAL, APENAS NO MAIS ALTO NÍVEL DE COMPARAÇÃO”.

Charles Dickens
* Penguin Popular Classics, Londres (1994) (Primeira Edição: 1859)

A IDEIA
Dois grandes temas dominam o FÓRUM NACIONAL (SESSÃO ESPECIAL) a ser realizado em setembro:

Visões do Desenvolvimento Brasileiro.
“O futuro das nossas Cidades”.
Dentro dessa perspectiva, são as seguintes as Sessões Programadas para os dois dias de FÓRUM:

SESSÃO DE ABERTURA: VISÕES DO DESENVOLVIMENTO BRASILEIRO
Dia 10 de setembro, quarta-feira (manhã)
De 10 horas às 13 horas

PAINEL I – REVOLUÇÃO NA INFRAESTRUTURA E DESENVOLVIMENTO HUMANO
De 14h30 às 17h30

PAINEL II – FAVELA É CIDADE: FAZER ACONTECER
Dia 11.9, quinta-feira (manhã)
De 10 horas às 13 horas

SESSÃO DE ENCERRAMENTO – “O FUTURO DAS NOSSAS CIDADES”(REGIÕES METROPOLITANAS) (INCLUSIVE CULTURA)
De 14h30 às 17h30