Mario Henrique Simonsen

Brasil: agenda para sair da crise – inflação e déficit público

O Brasil, na Nova República, foi campeão de choques antiinflacionários, e deles saiu, talvez, pior do que quando entrou. A presente obra é essencial para entender-se a problemática do país antes do atual Plano Collor, e permite compreender-lhe melhor as características. Por exemplo, o seu caráter de tratamento de choque e a sua abrangência, tratando tanto da crise fiscal e do controle monetário - preocupações básicas das correntes ortodoxas - como dos aspectos relacionados com a desindexação - tema por excelência das correntes heterodoxas. Os textos aqui apresentados são ricos em vários sentidos.… ... continue lendo →

Crise do Estado e retomada do desenvolvimento

Na série de livros do Fórum Nacional "Idéias para a modernização do Brasil", da José Olympio Editora, há dois volumes sobre a questão do Estado: este, voltado principalmente para o papel econômico do Estado e seu problema financeiro; e um outro, intitulado O Leviatã ferido: a reforma do Estado brasileiro, sobre, principalmente, a reformulação do modelo de Estado. Duas são as preocupações básicas do presente estudo. Em primeiro lugar, discute-se o papel econômico desempenhado pelo Estado no desenvolvimento brasileiro do pós-guerra. Cabia-lhe a condução da estratégia global e, muito em particular, a definição… ... continue lendo →

Condições para a retomada do desenvolvimento

O presente volume, voltado para a discussão das precondições para a retomada do crescimento, acentua as características do Fórum Nacional como centro de debates, consciência crítica e fonte de recomendações concretas para a modernização da sociedade brasileira. Assim é que, no tocante ao programa de estabilização, apresenta, de um lado, a visão de Zélia Cardoso de Mello, ministra da Economia à época (fins de 1990, e, de outro, comentários menos ou mais críticos, entre os quais os dos ex-ministros Mario Henrique Simonsen e Bresser Pereira, assim como o do atual Secretário de Política… ... continue lendo →

Combate à inflação e reforma fiscal

O Fórum Nacional dedica-se permanentemente ao exame, em profundidade - e com visão de médio prazo - da conjuntura econômico-financeira do país. Procura antecipar os seus prováveis desdobramentos e formular propostas concretas para que o Brasil retome, rápida e firmemente, o crescimento. Os ensaios contidos neste livro são a mais recente contribuição do Fórum Nacional com vistas a esse objetivo. Na primeira parte do volume, Mario Henrique Simonsen propõe as bases de uma reforma fiscal e de reestruturação da previdência social que propiciem o reequilíbrio das finanças públicas. Ele responde a cinco perguntas:… ... continue lendo →

Estabilidade e crescimento: os desafios do Real

Este livro empreende ampla avaliação das perspectivas de êxito do Plano Real e desenha os cenários político-sociais e econômicos que, concretizados, criarão as condições para o crescimento sustentado, com transformação produtiva, e favorecerão novas oportunidades de desenvolvimento. Na introdução, Rubens Ricupero situa o Plano Real no contexto da crise brasileira. Para ele não há salvação sem estabilidade, a qual não é um objetivo em si mesmo, sendo, ao contrario, o instrumento para viabilizar o projeto de modernização nacional. A primeira parte do volume, a cargo de Mario Henrique Simonsen, Affonso Celso Pastore, Rubens… ... continue lendo →

O Real e o futuro da economia

Neste livro, o Fórum Nacional retoma, em novas bases, a discussão do Plano Real, defendendo a necessidade de uma reformulação estratégica, voltada tanto para sua própria sustentação quanto para assegurar, sob a égide de um novo modelo de desenvolvimento, duradouro ciclo de crescimento. Na introdução, João Paulo dos Reis Velloso considera que essa reformulação deve atender a um conjunto de precondições que liberte o programa de estabilização de sua "armadilha atual, em que só resta, como instrumento de contenção da demanda, a política monetária, tendo como peça central taxas de juros elevadíssimas". Defende… ... continue lendo →