Eva Doris Rosental

Cultura e a “Economia da Alegria”

Nos idos de 1976, o economista Tibor Scitovsky, professor emérito de economia da Universidade de Stanford, publicou um livro denominado “The Joyless Economy” (“A Economia Sem Alegria”.). A ideia básica é que mais renda (mais alto nível econômico) não traz necessariamente mais alegria. É o caso dos Estados Unidos que haviam experimentado longa fase de prosperidade, mas aparentando pouca alegria por não aproveitar-se mais principalmente das diferentes formas de cultura (cinema, teatro, música e até a simples ociosidade, ou a contemplação do belo). Então, o Fórum Nacional, na sessão de encerramento do XXVIII… ... continue lendo →